quarta-feira, 20 de maio de 2009

Rádios Clandestinas dando aula nas legais de Campos


A Decadência do rádio em campos está me deixando triste, existe rádio clandestina dando show de rádio nas profissionais, veja só onde chegamos... São emissoras transmitindo Notícia Imparcial, Humor de qualidade e programas bem editados, Parabéns clandestinas e cuidado legais.

Destaque para...

Livre FM 103,5 (Estilo JB, Adulto Conteporâneo)
Koinonia FM 98,7 (Estilo Melodia, Gospel)
Jovem Popular 103,9 (Estilo FM O Dia, Popular Jovem)
Pop FM 89,7 (Estilo Mix, Jovem Pan, Hip Hop, Dance)

Não adianta tapar o sol com a peneira, são ex: profissionais de rádio que estão mostrando seus trabalhos em uma cidade sem oportunidades no rádio.




segunda-feira, 11 de maio de 2009

Pensamento, paixão e tesão por rádio!

Q tesão ouvir rádio boa, estou ouvindo a Pan SP, meu sonho de consumo, tenho fé em Deus q a minha rádio vai ser a pan em campos, acredito muito nesse perfil A, B, C  jovem para campos, é só trabalhar em equipe, td funciona bem com uma equipe motivada, vc lembra da RÁDIO MANIA? mesmo pirata, conseguiu a confiança e a graça do ouvinte, um ótimo CASE de sucesso em campos...saudades! e vc concorda?

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Ana Paula Padrão assina com Record para bater "JN"


Acabou a novela. A Rede Record confirmou os rumores e divulgou nesta quinta-feira (07) a contratação de Ana Paula Padrão. A jornalista vai dividir a bancada com Celso Freitas na apresentação do Jornal da Record pelos próximos quatro anos. A atual apresentadora, a jornalista Adriana Araújo será a nova corresponde internacional da emissora em Nova York.

"A única coisa que eu quero agora é um mês de sossego. Eles insistiram (os bispos dirigentes), quiseram que eu assinasse agora, e eu assinei. Agora preciso de um tempo, disse Ana Paula ao portal Ooops!.

A contratação faz parte de uma etapa de investimentos da Rede Record no Departamento de Jornalismo. Mesmo tendo passado uma temporada de quatro anos no SBT, Ana Paula ainda representa um "rosto da Globo", creem os bispos. E é com esse rostinho que eles pretendem ampliar o enfrentamento com o "JN", que em setembro comemora 40 anos, informa a coluna.

Recém-saída do SBT, a jornalista contou que foi uma decisão "difícil". Ela relutava em voltar a fazer a função que exerceu por anos na TV Globo: apresentar telejornal. Segundo ela, seu marido, Walter Mundell (economista), influenciou em "80%" a decisão. "Nós íamos a um restaurante, por exemplo, e o garçom perguntava quando eu ia voltar a apresentar jornal. Íamos à feira, a mesma coisa... Um dia, o Walter parou e disse: 'Ana, escuta, isso é o mercado te chamando, dizendo que quer você de volta'. E ele tinha razão. Eu vi que tinha motivos para voltar: o mercado pediu", relata.

Problema

Mas, segundo o colunista da Folha Online, Ricardo Feltrin, há um problema: a imagem e a voz de Ana Paula poderão continuar por anos a fio aparecendo no SBT: a emissora detém os direitos de inúmeras edições do "SBT Realidade", programa que ela apresentou nos últimos dois anos.

Ou seja, a Record pode ter de enfrentar a saia justa de ver o rosto da âncora de seu principal telejornal aparecendo no SBT. Por anos, anos e anos.

Redação Adnews, com informação de Ooops!